Corte aprova resolução sobre funcionamento de juntas especiais

O objetivo é dar celeridade, transparência e segurança à transmissão dos resultados de votação

Registro Candidatura

O Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão aprovou na sessão administrativa desta terça-feira, 12 de junho, a resolução 9280/18 que trata do funcionamento das juntas eleitorais especiais - instaladas em municípios que não são sede de zonas eleitorais para as eleições 2018.

O objetivo é dar celeridade, transparência e segurança à transmissão dos resultados de votação, uma vez que existe uma expressiva quantidade de municípios que não sediam zonas eleitorais.

O estudo que definiu os 20 municípios onde funcionarão as juntas especiais levou em consideração o horário médio de transmissão do último boletim de urna nos últimos 3 pleitos, o tempo de deslocamento até o ponto de transmissão e se o município foi junta especial na última eleição.

Os municípios que terão juntas especiais são: Senador Alexandre Costa (6ª ZE), Tasso Fragoso (11ª ZE), Itaipava do Grajaú (15ª ZE), Cajari (20ª ZE), Primeira Cruz (32ª ZE),  Santo Amaro do Maranhão (32ª ZE), Lagoa do Mato (44ª ZE), Joselândia (54ª ZE), São Félix de Balsas (62ª ZE), São Domingos do Azeitão (62ª ZE), Pirapemas (68ª ZE), São João do Carú (78ª ZE), São Pedro dos Crentes (82ª ZE), Vila Nova dos Martírios (92ª ZE), Bom Jesus das Selvas (95ª ZE), Fernando Falcão (97ª ZE), Cidelândia (98ª ZE), Sítio Novo (99ª ZE), Marajá do Sena (102ª ZE) e Formosa da Serra Negra (105ª ZE).

 

Últimas notícias postadas

Recentes